Abra o olho: tem muito pirata para pouco artista

Publicado por Vitor Pordeus em 17/2/2018

Pirata ou Artista?

É muito pirata para pouco artista.

Roubam imagens na comunidade da vida real para ganhar prêmios e fazer nome nas gangs dos piratas dinheiristas que servem à ditadura ideológica de mentiras servidas aos montes para quem quiser pagar.

A principal contribuição de Nise da Silveira, Mario Pedrosa, Hanz Prinzhorn entre outros é exatamente, o que Nise resume em suas frases geniais:

"Cada louco é um artista, cada artista um ser humano e cada ser humano um universo."

Ou seja, todo ser humano é artista, e o mundo é um palco,

e os artistas comerciais-garotos propaganda-contrabandistas de imagens - piratas de formas e conteúdos não tem mais lugar nesta nova organização cultural possível.

A Rainha da Arte Brasileira Lygia Clark profetizou: " Não há objeto de arte, há objeto de relação" Galerias, museus, equipamentos de arte comercial estão fadados à extinção pois com o desenvolvimento desta compreensão mais profunda e mais ancestral do processo da criação artístita, todos os espaços comunitários serão espaços de arte e desenvolvimento psíquico, pois é disso que se trata.

Enquanto isso vemos gerações e gerações de brasileiros literalmente ignorarem todo este patrimônio cultural, artístico e científico e se curvarem, venderem suas ideias, seus filmes, suas máscaras de ator, seus ancestrais, suas memórias, sua dignidade e dignidade de seu povo para A Grande Máquina, o diabo do dinheiro, e vamos afundando de novo numa ditadura genocida governada por serial killers.

Não há dúvidas, quem conseguiu outro caminho no Brasil para o Brasil, fez esta mudança ética e estética de uma relação de diálogo, co-criação e saúde mental.

-Pirata
+Artista

-tietagem
+coragem

-EGO
+EROS

Não me vendo
Não se venda
Não se vende
(H. Campos)