QUADRA FUNDA

Publicado por Ray Lima em 11/8/2013

A vida, está sim,

pode emergir da lama,

de um filete d'água,

de um talo de capim.


A vida, esta sim,

pode emergir do homem,

da mulher, do chão, do grão

talvez, do meu jardim.



Quem está vivo um dia morre,

mas a vida continua; só

não se sabe até quando o sol

o nosso rei renascerá.



Mas é preciso ter cuidado

quem se movimenta;

é do vivo vacilante

que a morte vive e se alimenta.

(Lima,Ray. Pelas Ordens do Rei que Pede Socorro. Expressão Gráfica, Fortaleza-CE:2012)