1o Relato SHABESS, Teatro de DyoNises, Hotel da Loucura - Abrindo Ano 3

Publicado por Vitor Pordeus em 11/7/2014

primeiros lampejos pós Oficina SHABESS.

Relatório SHABESS, Teatro de DyoNises, Hotel da Locura www.ocupanise.org.br

Na segunda Dionisos quebrou a razão e acendeu a paixão, na terça Antonin Artaud e Dr. Gaston Ferdiére nos ensinaram alquimia e poesia sombra e luz, ritual sagrado, mata ou cura. Na quarta William Shakespeare, Hamlets, Ofélias, Bardos, Trovadores, nos mostraram que somos feitos da matéria que os sonhos são feitos; que o mundo é um palco, que todos os homens e mulheres são atores, brincantes, cada um entra em cena sete vezes, para ciclo de sete anos. Hoje, na quinta, Bertolt Brecht e Galileu Galilei nos revelaram as contradições de uma Era Científica, liberando a todos, nos levando ao extâse da luz em Tempos Extremamente Sombrios como os nossos. Amanhã nossa sessão espírita homenageia um vivo, Amir Haddad, o Tá Na Rua e a Arte Pública, se o tempo ajudar partiremos para a praça Rio de Grande do Norte no Engenho de Dentro celebrar e curar, cantar e revelar, descobrir a nós próprios, aos nossos territórios, nossas vozes, nossos sonhos numa cidade injusta e excludente como a nossa. Somos a voz das profundezas da loucura e do teatro, domínios do mesmo Deus, Dionisos. Sem início e sem fim. Evoé!