EPS Morro Azul e EPS Vigário Geral no Hotel da Loucura... O saber em todo ser

Publicado por aldecir em 12/11/2014

Olá Amigos!

Esta semana tivemos, mais uma vez, acontecimentos surpreendentes para dividir.

Estávamos reunidos com os clientes para realizar uma !Oficina de Origami, o mais livre que pudesse ser, porque alguns clientes têm dificuldades motoras,outros são reativos a atividades que demandem atenção. Mas, quisemos tentar.E então os presentes começaram a fazer a viagem de volta às suas infâncias, confeccionando aviões, barquinhos, chapéus de soldadinho, num momento cheio de alegria e confraternização. Andrezinho se apressou em fazer um barco estilizado e antes que alguem contestasse, Gilsom, com todo carinho e aceitação, declarou solene que "aquele era o barco do André". Também nossa cliente Juliana, se envolveu com a atividade para ensinar aos menos habilidosos, como melhor construir um balão e outros itens mais.

Assim transcorreu a atividade. Plena de cooperação, aceitação do outro, interação entre os clientes e nós.E nos fazendo ver que tudo é possível se estivermos com o afeto escancarado e com emoção no lidar. Que o ser humano não aceita rótulos e nem pode ser aprisionado por crenças limitantes.

Cada dia aprendemos mais no Hotel da Loucura. Evoé!!!

" O ser humano não vive só. A história da humanidade mostra que o amor está sempre associado à sobrevivência. Sobrevive na cooperação. Se a mãe não acolhe o bebê, ele perece. É o acolhimento que permite a existência. Numa de suas parábolas, Jesus fala do camponês lançando sementes ao solo. Algumas caem nas pedras e são comidas pelas aves, outras caem num solo árido e resistem por pouco tempo. Mas há aquelas que encontram boa terra e crescem vigorosas. Assim também nós precisamos de um solo acolhedor para nos desenvolver. Nosso solo acolhedor é o amor" Humberto Maturana"

Abç,

Equipe Morro Azul: Aldecir Costa, Elaine Marcelina, Lana Cantarelli e Vera Lembo.

EPS Vigário Geral: Anderson Rebeiro